Agora, o Brasil disputará, na próxima quarta-feira (26), a Presidents Cup, entre os times que não se classificaram para as oitavas de final.

A Seleção Júnior Masculina de Handebol foi superada pela Macedônia, nesta segunda-feira (24), por 28 a 23 (14 a 11 no primeiro tempo) no Campeonato Mundial da categoria, disputado na Argélia. O confronto foi o último da equipe brasileira na etapa classificatória pelo grupo C da competição.

O Brasil foi para o intervalo com a desvantagem de três gols no placar, mas se recuperou no segundo tempo e até chegou a liderar por 22 a 21, no entanto, acabou superado no final.

Com o resultado, a Seleção terminou na quinta colocação da chave, com quatro pontos. Enquanto a Macedônia ficou em segundo, com seis pontos. Os quatro primeiros de cada chave avançam para as oitavas de final.

“Sabíamos que ia ser um jogo duro e difícil. A equipe da Macedônia tinha um bom potencial de chute. Conseguimos manter a defesa alta no primeiro tempo, mas cometemos alguns erros no espaço de primeiro e segundo. Eles tiveram uma vantagem no placar do jogo. No intervalo, pedi para os jogadores mudarem um pouco, baixarem um pouco mais as diagonais, tentarem agredir mais defensivamente e faltou um pouco de chute de fora no primeiro tempo”, disse o técnico Helio Lisboa Justino, o Helinho.

“No segundo tempo, quando voltamos, eles chegaram a abrir cinco gols, mas conseguimos reverter, empatar e passar à frente. Esse era um momento decisivo, e acabamos falhando em algumas bolas um pouco mais cruciais no jogo quando estava 22 a 22. Erramos um arremesso para o gol e depois cometemos quatro erros infantis botando a diferença em cinco gols, que não foi a realidade do jogo”, acrescentou.

Agora, o Brasil disputará, na próxima quarta-feira (26), a Presidents Cup, entre os times que não se classificaram para as oitavas de final.

“A equipe foi aguerrida o tempo todo, sempre brigou pelo resultado e a classificação, mas, infelizmente, não veio. Temos uma partida depois de amanhã contra a Arábia Saudita, que é um jogo bem aberto”, explicou Helinho.

A equipe brasileira iniciou a trajetória no torneio ao ser superada pela Espanha na estreia por 29 a 21. Depois, se recuperou e venceu a Tunísia (36 a 29) no jogo seguinte, mas foi surpreendida pela Rússia (23 a 20) na última sexta-feira. Na sequência, a Seleção bateu Burkina Faso por 37 a 17 no último domingo.

Enquanto a Macedônia venceu Rússia (29 a 22) e Burkina Faso (48 a 20) nos dois primeiros jogos e depois perdeu para Tunísia (32 a 27) e Espanha (36 a 25) antes de enfrentar o Brasil.

Gols do Brasil: Leonadro Abrahão (4), Patrick (4), André Amorim (3), Márcio (3), Guilherme da Silva (3), Marcos Vinícius Vieira (3) e Gabriel Ceretta (3). Gols da Macedônia: Taleski (7), Velkovski (6), Shilegov (5), Kuzmanovski (4), Arsenovski (4), Neloski (1) e Palevski (1).

Resultados – grupo C

Terça-feira (18)
Espanha 29 x 21 Brasil
Tunísia 50 x 17 Burkina Faso
Macedônia 29 x 22 Rússia

Quinta-feira (20)
Brasil 36 x 29 Tunísia
Espanha 31 x 26 Rússia
Macedônia 48 x 20 Burkina Faso

Sexta-feira (21)
Rússia 23 x 20 Brasil
Espanha 38 X 12 Burkina Faso
Tunísia 32 X 27 Macedônia

Domingo (23)
Tunísia 29 X 29 Rússia
Espanha 36 X 25 Macedônia
Brasil 37 X 17 Burkina Faso

Segunda-feira (24)
Espanha 25 X 21 Tunísia
Rússia 45 X 9 Burkina Faso
Macedônia 28 X 23 Brasil

Anúncios