A Seleção Júnior Masculina de Handebol conquistou, nesta quinta-feira (20), a primeira vitória no Campeonato Mundial, disputado na Argélia. Contra a Tunísia, a equipe teve uma grande atuação e fechou o placar em 36 a 29 (18 a 11 no primeiro tempo). O resultado foi muito importante para o objetivo da equipe de se classificar para as oitavas de final.

317059_717164_image_web_

Leonardo Abrahão, capitão (Divulgação IHF)

Depois de passado o nervosismo da estreia, o Brasil conseguiu encaixar bem seu padrão de jogo diante dos atuais campeões africanos, que apesar de fazer um jogo forte, tiveram dificuldades para passar pela defesa verde e amarela. Os contra-ataques também foram bem mais aproveitados, fazendo com que a equipe dominasse o placar a maior parte do tempo.

“A equipe jogou muito bem o primeiro tempo. Tivemos poucos erros defensivos. Nossa profundidade aumentou em relação ao jogo da Espanha e facilitou alguns roubos de bola e uma transição mais rápida. Aí conseguimos fazer gols mais fáceis. Por isso, abrimos um pouco até o intervalo”, descreveu Helio Lisboa Justino, o Helinho, técnico do Brasil.

“No segundo tempo, eu tinha pedido um pouco mais de concentração e para mantermos o foco defensivo. Nos primeiros dez minutos, fomos bem, mas, depois disso, a defesa caiu um pouco. Eles encostaram no placar, chegaram a baixar para três gols a diferença. Eu pedi tempo e conseguimos abrir seis novamente. Voltamos concentrados e deu tudo certo. Foi um bom jogo. A equipe está de parabéns”, continuou.

Brasil e Tunísia fazem parte do grupo C, que conta também com Espanha, Macedônia, Rússia e Burkina Faso. Na primeira rodada, o time brasileiro sofreu um resultado negativo contra os espanhóis, por 29 a 21.

O próximo jogo da Seleção será já amanhã às 10h, contra a Rússia. Os russos até agora sofreram uma derrota para a Macedônia e uma para a Espanha. “Amanhã teremos um jogo duro com a Rússia. É uma equipe com jogadores muito grandes e uma defesa 6:0 bem postada. Temos que trabalhar bem a bola nesse sentido e manter nossa defesa aguerrida como hoje, com uma profundidade um pouco maior, já que são mais pesados. Espero que possamos manter a concentração e fazer um bom jogo”, finalizou Helinho.

Gols do Brasil – Leonardo Dutra (9), Gabriel (6), Guilherme Silva (4), Edney (3), Márcio (3), Leonardo Abrahão (3), Caue (1) e João Guilherme (1). Gols da Tunísia: Zaied (10), Ben Abdallah (6), Ben Dhia (3), Ghachem (3), Maaref (3), Ben Chick Ahmed (2), Bouttefahah (1) e Mzoughi (1).

Programação – grupo C
*Horário de Brasília

Terça-feira (18)
Espanha 29 x 21 Brasil
Tunísia 50 x 17 Burkina Faso
Macedônia 29 x 22 Rússia

Quinta-feira (20)
Brasil 36 x 29 Tunísia
Rússia 26 x 31 Espanha
16h – Macedônia x Burkina Faso

Sexta-feira (21)
10h – Brasil X Rússia
12h – Espanha X Burkina Faso
14h – Tunísia X Macedônia

Domingo (23)
12h – Tunísia X Rússia
14h – Macedônia X Espanha
16h – Burkina Faso X Brasil

Segunda-feira (24)
10h – Espanha X Tunísia
12h – Burkina Faso X Rússia
14h – Macedônia X Brasil

Quarta-feira (26)
Oitavas de final

Quinta-feira (27)
Quartas de final

Sábado (29)
Semifinais

Domingo (30)
Finais

Anúncios