289830_625165_13882511_1054179254630351_5061568754054023226_n_web_
A Seleção Juvenil Feminina de Handebol encerrou a disputa do Campeonato Mundial na 12ª colocação. No último jogo da equipe na competição realizada em Bratislava, na Eslováquia, nesta quinta-feira (28), as brasileiras fizeram uma partida equilibrada com a Alemanha e foram superadas por apenas um gol de diferença, 18 a 17.

O Brasil fez um bom primeiro tempo. Sempre à frente no placar, as brasileiras chegaram a abrir cinco gols de vantagem e fecharam a etapa inicial com vitória por 9 a 6. No segundo tempo, seguiram em superioridade no placar até os 26 minutos, quando as alemãs viraram o jogo e ganharam por um gol de diferença: 18 a 17. Duas atletas dividiram a artilharia da partida, cada uma com sete bolas na rede: a alemã Franziska Peter e a armadora brasileira Giulia de Pieri Santos. A goleira Renata Arruda foi a melhor do Brasil em quadra.

Apesar de não ter conquistado o objetivo de avançar para as quartas de final – as brasileiras foram superadas pela Croácia nas oitavas por 21 a 24, ontem -, o técnico Cristiano Rocha avaliou positivamente a campanha da equipe na competição. “Nós acreditávamos que o aspecto emocional poderia pesar um pouco no rendimento, já que não ganhamos nas oitavas de final e queríamos ter ido mais adiante. Mas, hoje, credito a alguns fatores esse resultado, como a nossa inoperância ofensiva, que foi abaixo e não conseguiu produzir com tanta qualidade, além da queda de rendimento no segundo tempo. Como um balanço geral, as meninas fizeram uma campanha positiva, bons jogos com os europeus, partidas equilibradas e chegamos próximo das quartas. Tiraremos muitas coisas boas desse Mundial”, reforçou o treinador.

Gols do Brasil: Giulia (7), Maria Eduarda (4), Iasmin (2), Bruna Baptista (1), Bruna Correia (1), Mariah (1) e Mariana (1).

Tabela

Classificatórias – Grupo B

Terça-feira (19)
Hungria 44 x 17 China
Suécia 30 x 25 Espanha
Brasil 41 x 14 República Democrática do Congo

Quinta-feira (21)
Brasil 29 x 21 China
Espanha 21 x 30 Hungria
República Democrática do Congo 21 x 33 Suécia

Sexta-feira (22)
Hungria 38 x 16 República Democrática do Congo
Brasil 19 x 22 Suécia
China 19 x 34 Espanha

Domingo (24)
Brasil 29 x 26 Espanha
Suécia 21 x 33 Hungria
República Democrática do Congo 23 x 31 China

Segunda-feira (25)
Brasil 21 x 28 Hungria
Suécia 37 x 26 China
Espanha 34 x 22 República Democrática do Congo

Oitavas de final

Quarta-feira (27)
Brasil 21 x 24 Croácia

Disputa do 11º lugar

Quinta-feira (28)
Brasil 17 x 18 Alemanha

Seleção Juvenil Feminina

Goleiras: Geandra de Souza (ACES-ES) e Renata Arruda (Clube Português/AESO-PE).

Centrais – Andrezza Paizinho dos Santos (Clube Português/AESO-PE), Gabriella Mendes “Bidy” (Pinheiros-SP) e Mariah Oliveira (APCEF/Motiva-PB).

Armadoras: Gilvana Nogueira (Clube Português/AESO-PE), Giulia de Pieri Santos (Jundiaí Handebol Clube-SP), Iasmin Albuquerque (Clube Português/AESO-PE) e Mariana Lemos (Pinheiros-SP).

Pontas: Giovanna Curi (Pinheiros-SP), Jamily Félix (Clube Português/AESO-PE), Maria Eduarda dos Santos “Duda” (Pinheiros-SP) e Wendy Sthephany da Silva (APCEF/Motiva-PB).

Pivôs: Bruna Gomes Correia (Pinheiros-SP), Bruna Nascimento Baptista (Colégio Eduardo Gomes-SP) e Rafaela Faure (Pinheiros-SP).

Comissão técnica
Técnico: Cristiano Rocha
Auxiliar técnico: Ruy Sanches
Treinador de goleiras: Danilo Gagliardi
Fisioterapeuta: Vanessa Cittadini
Coordenadora de estatística: Cláudia Mota
Supervisor: Álvaro Casagrande

Anúncios