A Seleção Juvenil Feminina de Handebol conquistou nesta quinta-feira (21) a segunda vitória no Mundial da Eslováquia. A equipe bateu a China por 29 a 21 (16 a 13 no primeiro tempo) e continua na segunda colocação do grupo B, com quatro pontos, empatada com a Hungria, líder, com melhor saldo de gols, e com a Suécia, terceira colocada, com pior saldo.

289257_623323_cristiano_rocha__1__web_

Cristiano Rocha, técnico da Seleção Juvenil (IHF/Divulgação)

A primeira etapa da partida foi muito disputada até os 20 minutos. Porém, no final do período, as brasileiras fizeram três gols em sequência e fecharam a etapa inicial em 16 a 13. Já na volta do intervalo, a Seleção Feminina se mostrou mais atenta e abriu sete gols de diferença, o que deu mais tranquilidade para a equipe. As chinesas ainda esboçaram uma reação, mas as brasileiras se mostraram superiores no final do duelo e terminaram o confronto com o placar de 29 a 21. As artilheiras do jogo foram Andrezza Paizinho e Gilvana Nogueira, com seis gols cada.

Segundo o técnico da Seleção Juvenil, Cristiano Rocha, a partida foi como o esperado. “Foi um duelo difícil como prevíamos. A China não jogou o melhor handebol na estreia contra a Hungria e sabíamos que elas iriam gerar certa dificuldade para nós. Foi até bom que passamos por alguns momentos difíceis, pois isso irá acontecer com mais frequência nos próximos confrontos, que serão contra europeus”, analisou.

Na próxima rodada, o Brasil enfrenta a Suécia, às 13h (horário de Brasília) desta sexta-feira (22), na Aegon Arena, na Bratislava. Ainda pela chave B, a Hungria encara a República Democrática do Congo, às 11h, e a China pega a Espanha, às 15h.

Para Cristiano, o jogo contra a Suécia será o primeiro grande desafio brasileiro dentro da competição. “Sem dúvida será um adversário muito forte. Espero que as meninas tenham um bom desempenho nessa prova de fogo e consigam colocar em prática nossa forma de jogar. Queremos aproveitar as qualidades que temos e tentar neutralizar os pontos fortes da Suécia, que tem jogadoras com arremessos muito fortes”, afirmou.

Gols do Brasil: Andrezza (6), Gilvana (6), Iasmin (5), Bruna Correia (3), Mariah (3), Duda (2), Bruna Baptista (1), Mariana (1), Rafaela (1) e Wendy (1).

Tabela – Grupo B
Horários de Brasília

Terça-feira (19)
Hungria 44 x 17 China
Suécia 30 x 25 Espanha
Brasil 41 x 14 República Democrática do Congo

Quinta-feira (21)
Brasil 29 x 21 China
Espanha 21 x 30 Hungria
República Democrática do Congo 21 x 33 Suécia

Sexta-feira (22)
11h – Hungria x República Democrática do Congo
13h – Brasil x Suécia
15h – China x Espanha

Domingo (24)
11h – Brasil x Espanha
13h – Suécia x Hungria
15h – República Democrática do Congo x China

Segunda-feira (25)
11h – Brasil x Hungria
13h – Suécia x China
15h – Espanha x República Democrática do Congo

Anúncios