288806_621988_image_web_

Mais uma vez, o Brasil se aproxima do topo no Mundial de Handebol de Areia. A edição de 2016 do maior campeonato da modalidade chega ao fim neste domingo (17) com as Seleções Masculina e Feminina na briga pelo ouro, em Budapeste, na Hungria. Entre os homens, o País busca o pentacampeonato, enquanto entre as mulheres a equipe vai brigar pelo tetra.

Amanhã, as meninas buscam o título na decisão contra a Espanha, às 13h (horário de Brasília). Já os homens, entram em quadra às 14h contra a Croácia.

Os dois garantiram a vaga nas decisões deste sábado (16), ao passar pelas semifinais. Enquanto o feminino venceu a Hungria por 2 a 0 (14-13 e 17-16). O masculino derrotou o Qatar por 2 a 0 (19 x 18 e 16 x 15). Na outra semifinal feminina, a Espanha venceu a Noruega por 2 a 1 (14-10, 19-15 e 12-14), e na masculina a Croácia passou pela Hungria por 2 a 1 (17-14, 12-21 e 11-10).

O técnico da equipe masculina, Antônio Guerra, lembrou que o Brasil enfrentou hoje a Croácia, em jogo válido pela segunda fase e venceu, mas que a final é diferente. “Está sendo uma competição super difícil. A temperatura caiu muito e isso é uma situação complicada, que tira a espetacularidade do jogo. Amanhã vamos repetir a final de 2014 contra a Croácia. Ganhamos deles hoje, mas amanhã na decisão é outro jogo. É uma situação totalmente diferente. Os dois já estavam classificados hoje e só iriam definir quem seria primeiro e segundo colocados da segunda fase. Cruzamos com o Qatar e eles com a Hungria. Amanhã será uma grande decisão. Está tudo muito bem com o grupo e estamos confiantes”, avaliou o treinador.

A técnica da Seleção Feminina, Rossana Marques, ressaltou o trabalho da equipe até chegar aqui. “Nossa classificação se deve a muita dedicação e trabalho, sem esquecer do valor da união e trabalho. Os 20 dias que ficamos em João Pessoa treinando três vezes por dia, superando dores, contusões, distância das famílias, chuva, sol, cortes, enfim, tudo contribuiu muito para que o grupo se unisse mais ainda. Chegamos aqui sabendo como iria ser difícil chegar ao nosso objetivo. Ainda falta a final e queremos muito este título”, revelou.

Tabela – Masculino
Horários de Brasília

Terça-feira (12)
Brasil 2 x 1 Egito
Brasil 2 x 0 Estados Unidos

Quarta-feira (13)
Brasil 2 x 0 Bahrein

Quinta-feira (14)
Brasil 2 x 1 Ucrânia
Brasil 2 x 1 Qatar

Segunda fase

Sexta-feira (15)
Brasil 1 x 2 Hungria
Brasil 2 x 0 Espanha

Sábado (16)
Brasil 2 x 0 Croácia

Semifinais
Croácia 2 x 1 Hungria
Brasil 2 x 0 Qatar

Final
12h – Qatar x Hungria (bronze)
14h – Brasil x Croácia (ouro)

Tabela – Feminino
Horários de Brasília

Terça-feira (12)
Brasil 2 x 0 Uruguai
Brasil 2 x 0 Taipei

Quarta-feira (13)
Brasil 2 x 0 Tunísia
Brasil 2 x 0 Polônia

Quinta-feira (14)
Brasil 2 x 0 Noruega

Segunda fase

Sexta-feira (15)
Brasil 2 x 0 Itália
Brasil 2 x 1 Hungria

Sábado (16)
Brasil 2 x 0 Espanha

Semifinais
Noruega 1 x 2 Espanha
Brasil 2 x 0 Hungria

Final
11h – Noruega x Hungria (bronze)
13h – Brasil x Espanha (ouro)

Anúncios