As Seleções Masculinas de Handebol das categorias de base estão correndo contra o tempo para estarem 100% na disputa dos dois Mundiais que estão programados para este ano.

A Júnior disputa a competição de 19 de julho a 1º de agosto, em Minas Gerais, e quer fazer bonito diante da torcida.

Já a Juvenil vai à Rússia, de 8 a 20 de agosto. Nesta reta final de preparação, as duas equipes farão mais uma etapa de treinamentos, no SESI, em Blumenau (SC), praticamente em conjunto.

Os Juniores se reúnem de 26 de junho a 2 de julho, e os Juvenis a partir deste sábado (20) até 30 de junho.

Os Juvenis ainda têm um pouco mais de tempo até o Mundial, portanto, este será mais um importante período para avaliação do grupo, segundo o técnico da equipe, Ivan Maziero, o Macarrão, que convocou 19 atletas para esta fase. “Esse será o retorno das nossas atividades depois do Pan, em abril, na Venezuela. Estamos agregando outra vez um pequeno grupo que não disputou o campeonato, por isso, será mais um momento de avaliação para chegarmos à equipe que vai para o Mundial”, revelou.

De acordo com o planejamento das Seleções, a fase em conjunto tem o objetivo de manter o padrão entre todas as categorias. “Vamos fazer alguns jogos com o time Júnior e treinar juntos também durante alguns dias. Além disso, o Adulto chega um pouco depois. Essa ligação entre os três grupos é muito positiva. Além dos atletas trabalharem em conjunto, as comissões técnicas também estão integradas, o que é importante para a padronização que buscamos. Tudo isso conta bastante para o resultado do trabalho que estamos fazendo”, afirmou Macarrão.

Para o técnico da Seleção Júnior, Hélio Lisboa Justino, o Helinho, a fase será importante porque irá reunir todo o grupo que vai ao Mundial em Uberlândia e Uberaba (MG). “Estaremos todos juntos dessa vez. Em algumas fases o João Pedro e o José Guilherme não puderam vir, por conta de compromissos com os clubes na Espanha. Será um bom período para lapidar, acertar detalhes que faltam”, explicou.

O treinador conta que depois dessa etapa em Blumenau, o próximo passo da equipe será a última fase de preparação já em Uberaba, cidade que irá receber o grupo do Brasil nas classificatórias. “No dia 10 já vamos para Minas fazer os últimos treinos e dois amistosos, um com a Romênia e outro que ainda estamos acertando.”

No dia 26, a Seleção Adulta também se junta à Júnior e Juvenil para os treinamentos, que seguem até o dia 6 de julho. Depois disso, a equipe comandada pelo espanhol Jordi Ribera viaja no dia 12 para Toronto, no Canadá, onde disputa os Jogos Pan-Americanos.

Seleção Júnior Masculina 

Goleiros – Gabriel Pedro Silva de Souza (Metodista/São Bernardo-SP) e Rangel Luan da Rosa (ACEU/Univali/FMEBC-SC).

Armadores – Gabriel Ceretta Jung (EC Pinheiros-SP), Gustavo César Rodrigues (EC Pinheiros-SP), José Guilherme de Toledo (BM Granollers-Espanha), Leonardo Felipe Sampaio Santos (Inst. Buzzo Sports S. José dos Campos-SP) e Thiago Alves Ponciano (Unimed/UEM/Maringá-PR).

Centrais – Acácio Marques Moreira Filho (Metodista/São Bernardo-SP), Gabriel Monteiro do Nascimento (ADI/Slice FMEL/Itajaí-SC) e João Pedro Francisco da Silva (Real Ademar León-Espanha).

Pontas – Cleber Antônio de Andrade (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté-SP) e Rudolph Hackbarth (ADI/Slice FMEL/Itajaí-SC).

Pivôs – Felipe Venâncio Santaela (EC Pinheiros-SP), Rodrigo Luiz Joench (AERC-Handebol de São José-SC) e Rogério Moraes Ferreira (Vila Olímpica Manoel Tubino/FAB).

Comissão técnica
Técnico: Hélio Lisboa Justino, o Helinho
Auxiliar técnico: Joel Teixeira Dutra
Supervisor: Décio Roberto Calegari
Treinador de goleiros: Diogo Castro
Fisioterapeuta: Michael Fuso

Seleção Juvenil Masculina 

Goleiros – Lucas Pereira dos Santos (Vila O. Greip da Penha/MC/SMEL-RJ), Marcos Vinícius Colodeti (Metodista/São Bernardo-SP) e Murillo Araújo Santana (EC Pinheiros-SP).

Armadores – André Gonçalves de Lima Amorim (ADI/Slice FMEL/Itajaí-SC), Henrique José Petter Solenta (EC Pinheiros-SP), Leonardo Marcelo Comerlatto (AERC-Handebol de São José-SC), Marcos Vinícius Vieira dos Santos (CAIC-GHC-UFPI-PI), Patrick André Toniazzo Lemos (Metodista/São Bernardo-SP) e Paulo Vinícius Oliveira Cândido (ASHB/Sorriso/Sicredi-MT).

Centrais – Leonardo Abrahão Silveira (EC Pinheiros-SP), Leonardo Dutra Ferreira (Handesfa Handebol-GO) e Pedro Souza Pacheco (EC Pinheiros-SP).

Pontas – Cauê Ceccon Baptista (EC Pinheiros-SP), Guilherme Miguel Laranjeiro Torriani (Metodista/São Bernardo-SP), Pedro Paulo Alves Júnior (SACT/FME Criciúma-SC) e Rodrigo Barroso Vieira (ASH-Fecam-Handecam-Campo Mourão-PR).

Pivôs – Gabriel Oliveira dos Santos Gondim (Metodista/São Bernardo-SP), Márcio Alan da Silva Naildo (ACEU/Univali/FMEBC-SC) e Matheus Francisco da Silva (EC Pinheiros-SP).

Comissão técnica

Técnico: Ivan Maziero, o Macarrão
Auxiliar técnico: José Roberto Triches
Supervisor: Archibald Scott Neto
Preparador físico: Fernando Millaré
Fisioterapeuta: Edmilson Balduíno
Coordenador Nacional de Seleções Masculinas: Jordi Ribera

Anúncios