Morten Soubak, técnico da seleção brasileira feminina de handebol

Morten Soubak, técnico da seleção brasileira feminina de handebol

Já há um tempo, o nome do dinamarquês Morten Soubak, comandante da Seleção Feminina de Handebol, figura entre os principais técnicos da modalidade.

Depois de liderar a equipe na conquista do título mundial inédito em 2013 e de ser escolhido como o melhor treinador de esportes coletivos do Brasil no ano passado, ele acaba de ser eleito novamente como o segundo melhor técnico de times de handebol feminino do Mundo, em votação promovida pela Federação Internacional (IHF).

A escolha faz referência ao trabalho realizado por Morten no ano de 2014. O treinador ficou também em segundo em 2011 e 2012. Em 2013, concorreu novamente, mas a entidade não divulgou o resultado.

Morten recebeu 33,29% dos votos feitos pelo público e pela imprensa no site da IHF. Thorir Hergeirsson, da Seleção Norueguesa, foi o vencedor, com 57,48%, e o técnico da Seleção Espanhola, Jorge Dueñas, o terceiro colocado, com 9,23%.

“Quando fui indicado este ano, fiquei até surpreso, porque no ano passado só disputamos o Sul-Americano”, confessou o treinador. “É uma honra ser indicado quatro anos seguidos. Estou muito feliz por estarem reconhecendo o que estamos fazendo aqui no Brasil. Isso dá ainda mais motivação para continuarmos o trabalho, ainda mais em um ano tão importante como este, em que defendemos o título mundial e estamos nos aproximando dos Jogos Olímpicos de 2016”, acrescentou.

Para ele, a vitória de Thorir Hergeirsson foi justa. “Sinceramente, acho que ele mereceu, pois acabou levando a Noruega ao primeiro lugar do Europeu, com uma equipe completamente renovada”, disse o dinamarquês, que está à frente da Seleção Brasileira desde 2009.

Ljubomir Vranjes, técnico da equipe Flensburg Handewitt, da Alemanha, foi escolhido o melhor no masculino, com 75,38%. O francês Claude Onesta, da Seleção Francesa, ficou em segundo, com 16,97%, e o espanhol Valero Rivera, que comandou a Seleção do Qatar no Mundial deste ano, e foi campeão com a Seleção Espanhola no Mundial de 2013, ficou em terceiro, com 7,66%.

Anúncios