Atual campeã Mundial, a Seleção Brasileira Feminina de Handebol está em Málaga, onde estreia, nesta sexta-feira (28), no Torneio Internacional da Espanha. A competição seguirá até domingo (30) e o Brasil terá como adversários a Tunísia, Polônia e Espanha, respectivamente, com transmissão dos canais SporTV. Para manter a sequência do bom trabalho, a equipe brasileira tem feito mais do que treinos diários com o técnico Morten Soubak. Outra profissional tem sido importante na preparação do grupo brasileiro: a psicóloga Alessandra Dutra.

Alessandra ao lado das atletas após treinamento

Alessandra ao lado das atletas após treinamento

Presente na Espanha junto com a equipe, Alessandra vem trabalhando ao longo da semana e está satisfeita com o retorno obtido. “Temos meninas de todas as idades e, cada uma delas, vivendo momentos diferentes. Uma das nossas tarefas é colocar todas na mesma sintonia. Esse é o desafio psicológico nessas duas semanas em que estamos fora do Brasil”, comentou a psicóloga, que trabalha com a Seleção desde o Mundial da China, em 2009.

Da Espanha, a Seleção Brasileira seguirá para a Suécia, onde fará um amistoso contra as donas da casa. No período em que estão longe de casa, Alessandra desenvolve um trabalho de programação de objetivos que a equipe terá de olho em eventos importantes, como os Jogos Pan-Americanos do Canadá, em julho de 2015, o Mundial da Dinamarca, em dezembro do ano que vem, e os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

“Estamos traçando metas dentro de um planejamento até 2016. É importante que elas percebam o significado de cada torneio, o valor de cada um deles e extrair de cada participação em quadra o que é necessário para a etapa seguinte. Sabemos que conscientizar sobre o processo é tão importante quanto conscientizar sobre os resultados. É um passo de cada vez, mas em uma crescente constante”, explicou a psicóloga da Seleção Brasileira.
240865_459326_img_20141126_wa0006
Alessandra trabalha com um grupo formado por 21 atletas. Entre elas, a experiente pivô Dara, que faz questão de destacar a importância de tudo que recebe de informações da profissional. “Nós temos bem claro o difícil caminho que teremos até a Olimpíada. Esse trabalho da Alessandra nos ajuda a focar no necessário e de maneira correta, tanto no objetivo, como no que temos que fazer para chegar lá. Se quisermos alcançar nossas metas, é preciso trabalhar de maneira muito aplicada e atenta aos pequenos detalhes. Eu, particularmente, estou bem atenta a tudo que pode fazer a diferença. E essa orientação psicológica ajuda demais”, afirmou Dara.

Sobre o Torneio, a pivô sabe que o Brasil enfrentará dificuldades e destaca que o momento da sua equipe é de buscar a evolução. “Teremos três adversários bem fortes e, com isso, dificuldades nesses jogos. As polonesas e as espanholas estão indo para o Europeu e estão em um bom momento de preparação. A Tunísia também tem um time fortíssimo. Do nosso lado, queremos ganhar, claro, até porque sabemos que todos esperam isso do Brasil. Mas, o nosso momento é outro. Temos que pensar que é tempo de testar e errar. Temos metas, objetivos e, além de ganhar o torneio, queremos evoluir”, concluiu Dara.

Torneio Internacional da Espanha – Tabela
Horário de Brasília

Sexta-feira (28)
16h: Brasil x Tunísia (ao vivo no SporTV)
18h: Espanha x Polônia

Sábado (29)
13h: Brasil x Polônia (ao vivo no SporTV 3)
15h: Espanha x Tunísia

Domingo (30)
8h: Polônia x Tunísia
10h: Brasil x Espanha (ao vivo no SporTV 3)

Anúncios